quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Aplicações para smartphones e tablets

Caríssimos colegas,

Sou apologista de tecnologia de forma moderada. Acho que as crianças não precisam de ter esse contacto de forma excessiva, mas se for usado moderadamente poderemos ter valiosas interações.Assim fica aqui uma lista de aplicações possíveis...







1) I CAN ALPHABETICSPromove a capacidade de leitura. tem ilustrações e sons de animais. está em inglês, mas as crianças podem reconhecer as letras e nomear os animais (1,99€)Completar puzzles, fazer correspondência de imagens. destina-se a criança em idade pré-escolar (1,99€)
Modo 1 - História com 5 capítulos com uma narração alternada e tarefas relacionadas com a história e as suas personagens.
Modo 2 - 15 Mini-jogos, cada um com 4 níveis de dificuldade. À medida que a criança vai jogando estes mini-jogos, a mesma vai desenvolvendo a sua concentração,
capacidade de atenção, memória, lógica e inteligência espacial. Ao treinar estas habilidades cognitivas, o seu filho irá ter sucesso na escola e irá facilmente aprender estes processos aumentando o volume de informação que consegue reter.
Tem como objetivo que as crianças aprendam o som das letras do afabeto (Gratuito - pago para novas letras)https://play.google.com/store/apps/details?id=air.com.fordyslexia.icanalphabetics&hl=pt_PT


2) MIMOSA E O REINO DAS CORES3 níveis diferentes, preparado com ajuda de Terapeutas da Fala e Psicólogos. Trata-se da história da vaca Mimosa e do maléfico dinossauro Tarug. A criança deve colorir diferentes ambientes, depois de responder corretamente a alguns desafios (Gratuito)https://play.google.com/store/apps/details?id=com.itabits.colorrindo&hl=pt_PT

3) KIDS ANIMAL TRAIN - FIRST WORDhttps://play.google.com/store/apps/details?id=cz.cfc.androidgp.AnimalTrain&hl=pt_PT

4) KIDS ANIMATED PUZZLEhttps://play.google.com/store/apps/details?id=air.cz.cfc.androidgp.AnimatedPuzzle&hl=pt_PT

5) MATH PRACTICEOperações matemáticas (Gratuito)https://play.google.com/store/apps/details?id=com.teachersparadise.mathpractice&hl=pt_PT

6) JIZSAW PUZZLEPuzzles para idades pré-escolares associados a animais e aos seus nomes (Gratuito)https://play.google.com/store/apps/details?id=com.teachersparadise.kidsabcsjigsawpuzzles&hl=pt_PT

7) 123 ABC DIVERSÃO ESCRITAPara as crianças que têm dificuldades em escrever e desenhar as letras corretamente. a criança pode traçar o desenho de letras maiúsculas e minúsculas, números e formas divertidas (Gratuito)https://play.google.com/store/apps/details?id=com.teachersparadise.fingertracing001&hl=pt_PT

8) MATEMÁTICA PARA CRIANÇAS (MATH FOR KIDS)aprendizagem dos números e contar os animais, pintá-los e memorizar números para jogar. disponível em português (Gratuito)https://play.google.com/store/apps/details?id=com.puzzlingapps.mathgame.free&hl=pt_PTouhttps://play.google.com/store/apps/details?id=com.snoringpanda.math.kids&hl=pt_PT

9) ABC EM PORTUGUÊSAprendizagem de letras, números e nomes de animais com a ajuda de uma voz em português (gratuito)https://play.google.com/store/apps/details?id=appinventor.ai_uilsone.ABCemPT_copy_checkpoint1&hl=pt_PTou
https://play.google.com/store/apps/details?id=eu.hitb.abcplus&hl=pt_PT

10) JOGOs DE MEMÓRIAEstimulação da memória, atenção e concentraçãohttps://play.google.com/store/apps/details?id=com.appquiz.memory.training&hl=pt_PThttps://play.google.com/store/apps/details?id=com.kaya.kids.memory.game.matchup&hl=pt_PThttps://play.google.com/store/apps/details?id=com.hs3lzx.animalmatch&hl=pt_PT

11) JOGOS DA FORCATradicional jogo da forca com centenas de palavras distribuídas em onze grupos de categorias, gráficos bem elaborados e sons divertidos.https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.jcsys.jonas.forca&hl=pt_PThttps://play.google.com/store/apps/details?id=com.examobile.hangman&hl=pt_PT

12) VELOCIDADE DE LEITURAEsta aplicação irá avaliar a sua velocidade de leitura durante a leitura de um dos textos e proporcinonará final você sobre isso. Contém os seguintes recursos: 6 Textos onde fazer o teste inicial.Capacidade de inserir seu próprio texto da memória do telefone.https://play.google.com/store/apps/details?id=ejercicios.proyectofinal.lectura&hl=pt_PT

13)DIVERSÃO PARA CRIANÇASJogos de puzzle com identificação de formas. Cada enigma é composto por 7 itens que quando colocados no sítio certo produzem os respetivos sons.https://play.google.com/store/apps/details?id=com.jcbsystems.funforkids2&hl=pt_PT

14) APRENDENDO AS COREShttps://play.google.com/store/apps/details?id=com.YOZHStudio.ColorSuperMarket&hl=pt_PT

15) MATRIXMATCH 2
MatrixMatch ajuda a desenvolver as habilidades de perceção visual, como discriminação visual. Ajuda ainda a desenvolver a atenção, a concentração, orientação espacial e princípios de classificação e categorização. Além disso, ajuda também a desenvolver funções executivas como planeamento e perseverança. O objetivo é, então, ordenar e relacionar, numa grande matriz, as formas e linhas que unidas são origem a novas figuras.https://itunes.apple.com/pt/app/id468021471?mt=8

16) SORT IT OUT 1
Sort It Out 1 vai ajudar a sua criança a saber organizar os objetos pela sua classificação, ao mesmo tempo que se diverte! Esta aplicação ajuda a desenvolver a conceitualização, perceção visual e habilidades de motricidade fina. Com a ajuda dos pais pode também desenvolver habilidades linguísticas.https://itunes.apple.com/pt/app/id501939025?mt=8

17) JOGO DAS PALAVRAS
Jogo das Palavras é um jogo para crianças que os ajudará a desenvolver a sua comunicação e facilitar a aprendizagem da leitura e da escrita. Para além disso este é um jogo totalmente em português.https://itunes.apple.com/pt/app/id506153552?mt=8

18) PALAVRAS RELACIONADAS
Palavras Relacionadas é um jogo para crianças que as ajudará a desenvolver a sua inteligência. Neste jogo, é apresentada à criança a palavra principal e 5 palavras adicionais. A criança terá de identificar qual destas palavras não está relacionada com a principal. Também esta é uma aplicação totalmente em português.https://itunes.apple.com/pt/app/id536924570?mt=8

19) APRENDO COM OS TRANSPORTES
Esta app vai desenvolver o interesse e gosto dos mais pequenos pelos transportes como carros, motas, barcos e até naves espaciais. Aqui, a criança pode encontrar os sons, as palavras, as cores, as formas, os números e os ambientes de vários transportes. Também disponível para iOS.https://play.google.com/store/apps/details?id=com.dada.pt.transportes

20) AS AVENTURAS DO OURIÇOEsta é a história interativa de um ouriço-cacheiro e dos seus amigos. Este jogo inclui uma dúzia de tarefas educacionais e jogos para crianças dos 4 aos 6 anos de idade. Estas tarefas são destinadas ao desenvolvimento dos processos cognitivos, tais como: atenção, memória visual, razão lógica, inteligência espacial.O jogo tem 2 modos:
A autora é uma psicóloga para crianças com mais de 10 anos de experiência.
https://play.google.com/store/apps/details?id=com.hedgehogacademy.hedgehogsadventureslite&hl=pt_PT

21) FORMA PALAVRASOrganize as lâmpadas, até formar a palavra indicada pelo desenho.Trabalhar com letras móveis é um dos recursos pedagógicos mais importantes na fase da alfabetização, pois contribui para o desenvolvimento do ensino e da aprendizagem da leitura e escrita dos pequenos. Pensando nisso, o Escola Games criou este jogo como mais um recurso didático nos Projetos de Alfabetização.https://play.google.com/store/apps/details?id=air.com.escolagames.FormaPalavras

22) QUE-FALAO Que Fala! é uma solução para tablets e smartphones que possibilita a comunicação de pessoas com deficiência. Trata-se de uma prancha digital que pode substituir as pranchas de papel geralmente empregadas no tratamento de pacientes com dificuldades na fala em hospitais ou clínicas especializadas. Trata-se de uma tecnologia assistiva de alto impacto baseada nos conceitos técnicos e científicos da Comunicação Suplementar e/ou Alternativa (CSA). Com o Que Fala!,os pacientes podem interagir diretamente com interlocutores por meio de seus equipamentos, sem a necessidade de intermediários.https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.metodos.quefala

23) LER E CONTARUm aplicativo feito especialmente para crianças e bebês com uma interface muito simples e agradável. Possui o alfabeto completo falado em português, os números de 0 a 20, e as formas geométricas básicas. Contém exercícios para a criança aprender a escrever as letras e os números e desenhar as formas geométricas básicas. Alfabeto com ilustração em cada letra, e os números de 0 a 10 contado com os dedos.https://play.google.com/store/apps/details?id=com.bergman.lerecontar


Quem tiver mais opções coloque nos comentários para que seja um recurso útil para todos.

Boas TerapiasDianaMoreira


quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Vamos aprender o som "s"


Ora cá estamos nós com mais um manual de treino articulatório. Desta vez para o som "s".

Este manual tem atividades divididas em 3 fases:
- Posição inicial de palavra
- Posição inicial de sílaba medial
- Leitura e Escrita

Este manual contém mais exercícios de leitura e escrita, porque normalmente, pelo menos é o que me acontece os miúdos com algum tipo de sigmatismo são encaminhados mais tarde. Assim torna-se necessário, além dos exercícios com imagens, que haja material mais específico para essa idade.

Este conjunto de materiais contém também:
- Ficheiro PDF com os jogos (47páginas)
- Fichero com 323 imagens para nomeação e outros usos conforme necessidade
- Imagens em Musgami da serpente
Capa do Manual

Lista de jogos para o som "s"


Exemplo de exercício com o som em posição inicial

Exemplo de exercício de leitura e escrita

Exemplo de exercício do som em posição inicial de sílaba medial


Exemplos de imagens para nomeação



Boas Terapias

DianaMoreira

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Método DOLF - Ana Severino & Joana Rombert

É um meio ou ferramenta auxiliar na aprendizagem da fala, linguagem, da leitura e da escrita. Usa estratégias multissensoriais, permitindo à criança ver, ouvir, falar, fazer o gesto e escrever.

O método DOLF associa um gesto a cada som (fonema) do português, fazendo posteriormente a ligação à letra (grafema). Este método resulta da necessidade de haver gestos adaptados ao português, chamando a atenção para os movimentos da boca, para o modo como se articulam ou como se produzem os sons do português.

O uso do gesto serve de apoio à memória auditiva, visual e usa a memória suplementar, a memória motora. É um método flexível que pode ser aplicado conforme o objetivo e mediante cada aluno.




Objetivos:
- Desenvolver a fala ou articulação verbal
- Desenvolver a linguagem nos vários domínios
- Desenvolver capacidades de processamento fonológico: nomeação rápida, memória auditiva verbal, diadococinésia e consciência fonológica
- Desenvolver a capacidade de associação fonema-grafema
- Desenvolver competências de leitura e escrita

Idades:
- Crianças a partir dos 4 anos

A quem se destina: 
- Qualquer criança em idade pré-escolar
- Crianças com perturbações da linguagem
- Crianças com perturbações da articulação verbal e/ou fonológicas
- Crianças com dificuldades a aprendizagem da leitura e escrita
- Crianças com perturbações específicas de leitura e escrita e/ou dislexia.

Quem aplica:
- Pais, educadores, professores, terapeutas da fala, linguagem, leitura e escrita. Pode ser aplicado em casa, sala de aula, na terapia individual ou em grupo.

Informação retirada do livro:
Método DOLF - desenvolvimento oral, linguístico e fonológico
Ana Severino
Joana Rombert

Boas Terapias
Diana Moreira

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Consciência Fonológica

Boa tarde colegas,

Começamos este mês de outubro com um tema muito comum entre terapeutas da fala, professores, educadores e psicólogos: a Consciência Fonológica.

Todos estamos de acordo que é muito importante as crianças terem esta capacidade metalinguística desenvolvida para que seja um factor de bom prognóstico na aprendizagem das competências de leitura e escrita.

Deixo-vos o início de um manual construído, tendo por base o livro: "Dislexia - atividades de conhecimento fonológico" de Rosa Lima e Cláudia Tavares.

Nestas áreas onde mais precisamos de material diversificado todas as fichas de trabalho contam!
Nesta pequena amostra constam atividades de Consciência da Palavra (desdobramento lexical e longitude) e Consciência da Rima.

Download:

https://www.dropbox.com/s/qe5b17i783x7ab0/Conhecimento%20Fonol%C3%B3gico.pdf?dl=0









Deixo-vos os links de alguns artigos que me parece, interessantes sobre o tema:

1) O conhecimento da Língua: desenvolver a consciência fonológica (Mª João Freitas, Dina Alves e Teresa Costa) - Ministério da Educação
http://area.dgidc.min-edu.pt/gramatica/O_conhecimento_da_lingua_desenv_consciencia_fonologica.pdf.pdf

2) Consciência Fonológica e o ensino da leitura (dissertação mestrado de Leonel Barreira) escola Superior de Educação de Bragança
https://bibliotecadigital.ipb.pt/bitstream/10198/7952/1/Leonel%20Fernando%20Lopes%20Barreira.pdf

3) Consciência Fonológica: atividades desenvolvidas numa escola em Ovar
http://escolovar.org/conto_ovos.misteriosos_38pages_consc.fonolgc.pdf

4) Consciência Fonológica: uma competência linguística fundamental na transição do pré-escolar para o 1º ciclo (dissertação de mestrado de Inês Ferraz) Universidade da Madeira
http://repositorio.uma.pt/bitstream/10400.13/241/1/MestradoIn%C3%AAsFerraz.pdf



Qualquer assunto contacte:
alta.mente.vc@gmail.com

Boas Terapias
DianaMoreira

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Eu sei... Rimar

As rimas fazem parte das tarefas metafonológicas, as quais são adquiridas hierarquicamente.

Como acontece a noção de RIMA?

As palavras rimam quando há semelhanças entre os sons desde a voga ou ditongo até ao último fonema da palavra, podem abranger a rima da sílaba, a sílaba inteira ou mais do que uma sílaba. Para identificar rimas, as crianças necessitam ter a capacidade de identificar sons finais das palavras (pão - leão). Esta capacidade é um nível natural e espontâneo da consciência fonológica que integra precocemente as vivências das crianças através de músicas, histórias e brincadeiras. 

COMO FUNCIONA A ATIVIDADE?

Imagens Musgami para construção dos conjuntos de rimas
12 conjuntos de rimas com 5 imagens cada
Essas imagens devem ser recortadas e plastificadas.
Colar velcro no verso das imagens.
Colar velcro nas imagens Musgami.
Selecionar dois ou mais conjunto de imagens e pedir à criança identificar as que rimam com a imagem alvo previamente tirada pelo terapeuta/educador ou professor.


Boas terapias
DianaMoreira





sábado, 13 de setembro de 2014

Atraso ou perturbação específica da linguagem

É quando uma criança está abaixo do que é esperado para a sua idade...

Num atraso do desenvolvimento da linguagem (ADL) há um ritmo mais lento na aquisição de todos os domínios da linguagem, enquanto que na perturbação específica da linguagem (PEL) há uma discrepância entre os vários domínios, podendo a criança estar mais adiantada numas áreas e mais "atrasada" noutras (por exemplo, pode ter um bom vocabulário (semântica) e ter dificuldades nos sons (fonologia) e na construção de frases (sintaxe)).

Nos casos de ADL a criança parece ter um nível de uma criança mais nova, como se estivesse numa etapa inferior à sua, mas paralela ao desenvolvimento normal, e a sua evolução é gradual e uniforme. Nestes casos é esperado que aos 5 anos aquela criança esteja linguisticamente ao mesmo nível das outras.

Na PEL não há uniformidade, verificando-se grandes discrepâncias ou desajustes a todos os níveis.

ADL

  • Todos os domínios da linguagem alterados (fonologia, semântica, morfossintaxe, pragmática)
  • Começam a dizer as primeiras palavras mais tarde (2-3Anos)
  • Podem omitir sílabas em palavras compridas, usam frases simples e vocabulário pobre
  • Adquirem os verbos e pronomes mais tarde e têm dificuldades no uso do género, número e acordo verbal
  • Têm pouca iniciativa na comunicação, com dificuldades em iniciar, manter uma conversa e em respeitar os turnos de conversação
  • Pode haver alterações emocionais
  • Intervenção rápida e com bom prognóstico
PEL
  • Grande discrepância entre a compreensão e a expressão verbal
  • Discrepância entre os domínios da linguagem
  • Começam a falar mais tarde e de forma ininteligível
  • Usam muitos gestos para ajudar à sua comunicação
  • Têm dificuldades de memória e evocação
  • Conversação limitada, com dificuldades em contar um acontecimento ou uma história
  • Não participam espontaneamente em conversas de grupo
  • Intervenção mais demorada e com prognóstico mais reservado

Tanto no ADL como na PEL é necessário que os pais comuniquem de forma clara, usando frases simples e curtas e de acordo com a idade do seu filho.

AS CRIANÇAS SÃO VERDADEIRAS ESPONJAS PARA APRENDER!
O principal é ajudarmos cada criança a desenvolver o gosto e o interesse por comunicar, transmitindo que vale a pena, que é divertido e que só nos relacionando com os outros é que podemos mostrar verdadeiramente quem somos e o que queremos.


in, O GATO COMEU-TE A LÍNGUA
Joana Rombert

Boas Terapias
DianaMoreira

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Crachás

Bom dia colegas,

Hoje não venho vender os meus materiais, nem escrever sobre nada em concreto sobre a Terapia da Fala.

Hoje venho dar-vos a conhecer o trabalho de uma colega nossa, Maria Fronteira. Ela faz estas crachás fantásticos.

Façam as vossas encomendas, os miúdos adoram :)
Eu já tenho o meu!

Acedam à sua página no facebook:
https://www.facebook.com/pages/Terapeuta-da-Fala-Maria-Fronteira/285547194880652

Ou peçam-lhe amizade!


Boas Terapias
DianaMoreira

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Análise da Escrita - Erros Ortográficos

A aprendizagem da leitura e escrita não é um processo natural como a fala, exige uma aprendizagem formal... Durante esta aprendizagem as crianças muitas vezes não conseguem adquirir todas as informações e regras, sendo evidente na escrita, onde se verificam erros ortográficos.

De forma a ajudar os terapeutas/professores na identificação dos erros, na identificação das regras que faltam adquirir, as que estão adquiridas e as que estão em vias de, construí uma lista de palavras a serem analisadas através do ditado.

Por favor, pedia a todos os colegas que dêem a vossa opinião, façam a vossa critica e passem ao máximo de colegas possível.

Aqui fica o link:
https://www.dropbox.com/s/r6nr6dcdge1m6iz/An%C3%A1lise%20da%20escrita.pdf?dl=0



Boas Terapias
DianaMoreira

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Discriminação Auditiva de sons


Como sabemos, a discriminação auditiva dos sons é de elevada importância para um bom desenvolvimento da consciência fonológica e consequentemente, para a aprendizagem das competências de leitura e escrita.

Com os mais crescidos podemos trabalhar aspetos relacionados com os sons da fala: quais as palavras que rimam, quais as que começam pelos mesmos sons ou pelas mesmas sílabas. No entanto, as crianças mais pequenas ainda não têm esta capacidade de conseguir diferenciar os sons da fala e de entender até o que lhes é pedido. Por isso, torna-se necessário adaptar o objetivo com técnicas mais simples, como a discriminação de sons ambientais.

No outro dia, nas lojas ALE-HOP (http://www.ale-hop.pt/) encontrei uma caixa sonora muito interessante. Contém vários sons ambientais que podem ser usados em várias atividades, custou cerca de 8€.


Alguns materiais relacionados com a discriminação de sons:

Artigo "A relação entre discriminação auditiva e o desvio fonológico"
http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S2179-64912012000200012&script=sci_arttext&tlng=pt

Sons de animais
http://www.4shared.com/file/110431002/85b78a42/Sons_de_Animais.html

Sons variados
http://www.4shared.com/file/110444193/a74e4788/Sons_Variados.html

Sons de transportes
http://edupsicas.blogspot.pt/2012/12/discriminacao-auditiva-sons-de-meios-de.html


Cumprimentos Terapêuticos
DianaMoreira

terça-feira, 22 de julho de 2014

Provérbios

Boa tarde colegas,

Este post é dedicado a quem trabalha com a população mas velha.
Apesar que pode facilmente ser usado com outros objetivos.

Trata-se de um manual com 50 provérbios para serem completados.

É uma atividade que estimula a memória,  a atenção, a concentração, as habilidades linguísticas, bem como proporciona um momento de descontração, pois eles recordam outros tempos e situações da vida deles.

Ficheiro PDF (102 páginas) - 3€

Aqui fica o exemplo:





Contactem: alta.mente.vc@gmail.com

Boas Terapias
Diana Moreira

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Categorias Semânticas

Olá caras colegas,

No seguimento do post anterior sobre o que fazer com os jogos do loto, aqui deixo-vos, para quem o pretender, um conjunto de lotos das diferentes categorias semânticas.

Além dos jogos do loto, este material conta com um manual de exercícios para todas as categorias apresentadas.

São 8 lotos em imagens e 8 lotos com palavras, como vos disse que faço sempre. Isto para permitir trabalhar com os mais pequeninos e com os mais crescidos.
1) Animais
2) Brinquedos
3) Instrumentos Musicais
4) Material Escolar
5) Alimentos
6) Transportes
7) Vestuário (e acessórios)
8) Objetos do quotidiano


O material é sempre impresso, recortado, colado em cartolina (quando for necessário), plastificado a quente e recortado de novo. Chega prontinho para levar para o trabalho e ser usado no dia seguinte.





Aqui fica o exemplo de uma das categorias:





Boas Terapias
Diana Moreira

quinta-feira, 10 de julho de 2014

O que fazer com um loto

De certeza que todos os terapeutas têm no seu lote de atividades para as crianças alguns lotos... Sejam eles focados em algum som para ser estimulado, ou numa classe semântica, ou em ações...

O certo é que eu utilizo muito, tanto com crianças em idade pré-escolar, como em idade escolar.
Faço quase sempre com a opção também de palavras, assim dá-me mais variedade de objetivos a serem trabalhados.

Com ou sem tabelas... As crianças podem:
1) Nomear
2) Identificar
3) Selecionar um conjunto de imagens por categorias semânticas
4) Construir frases (oralmente ou por escrito)
5) Ler as palavras
6) Selecionar um conjunto de palavras e ir construindo um texto
7) No jogo do loto, tirar a imagem e em vez de dizer o que é, dar pistas para o parceiro adivinhar a palavra









Boas Terapias
DianaMoreira

terça-feira, 1 de julho de 2014

Uma atividade para vários objetivos

Bom dia colegas,

Deixo-vos aqui uma sugestão de atividade.

Uma tabela multifunções que pode ser usada para:

- Treino articulatório
- Segmentação silábica (rolhinhas e números)
- Associação número-quantidade
- Leitura
- Escrita

1º espaço - colocar a imagem alvo
2º espaço - colocar o nº de rolhinhas conforme o nº de sílabas
3º espaço - colocar o cartão com o número correspondente ao número de sílabas
4º espaço - colocar /escrever a palavra respetiva à imagem alvo / separar em sílabas


Tampinhas/rolhinhas como preferirem. As minhas são de garrafas de água :)

Tabela disponível para download:

https://www.dropbox.com/s/bmthanq87ofd8ww/Base%20de%20atividade.pdf



Boas Terapias
Diana Moreira

sábado, 28 de junho de 2014

Eu sei... os ditongos

Olá colegas,

Quantas vezes se depararam com crianças que já sabem ler e escrever, mas que ainda têm dificuldades em assimilar os ditongos? Tanto na escrita como na leitura.

Já passei por isso algumas vezes e neste momento tenho um caso preocupante de um menino de 9 anos com essa dificuldade.

Por isso, tive a necessidade de elaborar algumas fichas de trabalho. Alguns exercícios podem ser aplicados às crianças que estão na fase inicial da aprendizagem das letras, nomeadamente das vogais, mas a maioria das atividades já focam a leitura e escrita com todas as outras letras do alfabeto.

O bloco de atividades tem 10 páginas e está disponível para download no link abaixo.

Espero que gostem e se possível dêem feedback.



https://www.dropbox.com/s/aamrfdvsq367f0p/eu%20sei...%20os%20ditongos.pdf



Boas Terapias
Diana Moreira

P.S. - Vejam o restante material disponível, nomeadamente os manuais de articulação do /r/ e do /l/ e a atividade Discriminar Fricativas.

sábado, 14 de junho de 2014

Vamos aprender o som "r"

Vamos aprender o som "r" é mais um manual para intervenção na articulação.

Tem o mesmo fundamento do Vamos aprender o som "l", e segue as mesma estratégias.




Os jogos são os seguintes:
- 3 Jogos memória (12 pares) - posição intervocálica, em grupo consonântico inicial e grupo consonântico medial
- 3 Jogos do loto (imagens) - posição intervocálica, posição de grupo consonântico e posição de encontro consonântico/final de palavra
- 3 jogos de loto (palavras)
- 1 Jogo Glória - Corrida do "r" teimoso - todas as posições na palavra


Boas Terapias
DianaMoreira

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Crianças com dificuldades de linguagem

Quando os pais dizem: "o meu filho não fala bem", pode significar que tem dificuldades em exprimir-se, em se fazer entender ou que muitas vezes não percebe o que lhe dizem.

Ou seja, pode ter dificuldades na compreensão e/ou na expressão verbal.

A compreensão verbal diz respeito ao que a criança entende e assimila da informação que recebeu, e a expressão verbal refere-se ao que a criança expressa ou diz e a forma como o transmite.

Primeiro a criança adquire a capacidade de compreender e só depois a de se expressar. Por exemplo, o bebé começa por compreender a palavra "mãe" e "pai" por volta dos 6/8 meses, no entanto, só por volta dos 12 meses é que poderá dizer "mamã" ou "papá" com intenção e significado.

Sinais de alerta na Linguagem Compreensiva

  • Não responde ao nome
  • Não olha quando falamos com ela
  • Interessa-se mais pelos objetos do que pelas pessoas
  • Não toma atenção a histórias, preferindo livros com imagens de animais, formas, cores e números
  • Parece estar atenta ao que lhe dizem, mas rapidamente se esquece do que tem de fazer
  • Tem dificuldades em cumprir ordens de três e quatro palavras
  • Nem sempre responde a perguntas ou pedidos
  • Prefere atividades físicas em comparação com atividades sociais e de conversação
As crianças com dificuldades na compreensão da linguagem, têm tendência a serem rotuladas como "tímidas", "só fazem aquilo como e quando querem ". O que acontece é que estas crianças não percebem o que lhes é dito, não conseguindo integrar tanta informação, acabando por desistir ou desinteressar-se por comunicar com os outros.
A repetição é fundamental e é bom perguntar à criança se entendeu o que lhe foi dito.

Sinais de alerta na Linguagem Expressiva
  • Raramente inicia diálogos e quando se faz uma pergunta responde de forma curta e rápida
  • Generaliza nomes de objetos até tarde, por exemplo a palavra "sumo" para todas as bebidas
  • Não apresenta uma sequência de ideias no seu discurso
  • Dificuldade em dizer o nome de pessoas, lugares ou objetos, quando perguntam "o que é?"
  • Dificuldade em ordenar ou arrumar as palavras numa frase ou ainda em juntar frases, produzindo assim as frases complexas
As crianças com dificuldades de expressão verbal são chamadas, muitas vezes, de "trapalhonas", "só falam bem quando querem".
Sempre que a criança manifestar dificuldades em se exprimir e os pais não entenderem o que diz, será importante que lhe peçam que reformule, ou seja, que tenha outra forma de dizer aquilo que pretende. Pode usar outras palavras, gestos ou imagens, para que não perca o interesse em comunicar.

Devemos tomar atenção aos sinais de alerta para realizar um rastreio precoce, uma vez que podemos estar na presença de perturbações sensoriais, neurológicas ou de neurodesenvolvimento.

In:
O Gato comeu-te a língua
Joana Rombert

Boas Terapias
DianaMoreira

sábado, 24 de maio de 2014

Estratégias para melhor comunicar com o bebé

Cada família tem o seu padrão de comunicação muito específico e cada criança o seu estilo comunicativo. Por isso, todas as estratégias são descobertas que se vão fazendo em conjunto com cada família, porque cada um encontra a sua forma para melhor ajudar o/a seu/sua filho/a  a comunicar.


  • Use o maternalês, linguagem simples e fácil compreensão e pronunciada de forma correta e exagerada para captar a atenção do bebé. É uma linguagem mais expressiva, mais melodiosa, com maior entoação e diferenças de intensidade.
  • Passe tempo com o bebé, faça-lhe companhia.
  • Observe, escute e olhe para o bebé: "O que será que ele quer?"
  • Responda à comunicação do bebé, estando com atenção às suas necessidades. Por exemplo, quando ele chora fale com ele de forma carinhosa ou mostre-lhe a cara e diga-lhe: "Estou aqui! O que precisas?"
  • Aproveite todos os momentos em que o bebé está preparado para conversar ou brincar e não insista quando não está disponível.
  • Capte a sua atenção, olhando olhos nos olhos, usando gestos, expressões faciais para cada momento, como abrir bem os olhos quando nos admiramos, abrir bem a boca quando nos espantamos ou sorrir quando estamos felizes.
  • Entre na conversa do bebé: palre quando ele palra, ria quando ele ri, fale alto ou baixo quando o faz e incentive-o a continuar.
  • Faça caretas, barulhos ou sons engraçados permitindo que o bebé imite , se divirta e deseje continuar naquela brincadeira.
  • Comunicar é uma troca: "agora és tu e agora sou eu". Espere que o bebé comece, que volte a falar consigo, não interrompa quando ele fala.
  • Aproveite as rotinas do dia a dia, como tomar banho, mudar a fralda, comer, vestir, para dar nome aos objetos que as rodeiam.
  • Fale com o bebé como se entendesse a sua conversa.
  • O bebé deve conversar com as diferentes pessoas da família, desde os mais novos aos mais velhos, uma vez que cada um tem o seu estilo de comunicação própria e ajuda a procurar o seu.

O Gato comeu-te a língua?
Joana Rombert

Boas Terapias
DianaMoreira

sexta-feira, 23 de maio de 2014

O papel da audição no desenvolvimento da Linguagem

O bebé ainda na barriga da mãe é capaz de ouvir as vozes dos pais e de as reconhecer quando nasce.

É importante perceber como a criança reage aos sons do ambiente que a rodeia. O rico  ambiente auditivo que envolve a criança e sobretudo, a exposição constante à fala, ajudam no desenvolvimento da audição, na aquisição da fala e da linguagem.

A capacidade de ouvir bem todos os sons da fala é essencial para o desenvolvimento da linguagem. Durante os primeiros anos  de vida, a principal causa de défice ou dificuldade auditiva será a otite, a meningite bacteriana, a prematuridade ou o traumatismo sonoro.
A mais comum é mesmo a otite, podendo afetar a audição da criança e a forma como ouve os sons (processamento auditivo).

Assim, quando sofre frequentemente otites, a criança pode ter dificuldade em perceber os sons da fala, entendendo-os de forma reduzida, como se fossem abafados ou os escutassem debaixo de água.


Sinais que a criança com otite média pode apresentar:

  • Atraso na fala ou linguagem (quando por exemplo diz apenas a sílaba inicial da palavra "bo"-bola ou "ca"-cama)
  • Não olhar quando a chamam ou quando falam com ela, principalmente em ambiente ruidoso
  • Perguntar "ah?" ou "o quê?" várias vezes
  • Respirar pela boca frequentemente
  • Ter pouca atenção para conversar ou ouvir histórias
  • Ser desajeitada, tendo dificuldades no equilíbrio ou na coordenação.

O que fazer?
  • Visitar o ORL para fazer tratamento da otite
  • Verificar a evolução da fala e linguagem
  • Se necessário fazer uma avaliação auditiva, da linguagem e do processamento auditivo
  • Se as dificuldades se mantiverem será necessário um acompanhamento

Informação Recolhida
O Gato comeu-te a língua
Joana Rombert

Beijinhos Terapêuticos
Diana Moreira

terça-feira, 20 de maio de 2014

Discriminar Fricativas

Olá caras colegas,

Hoje deixo-vos aqui um material que pode ser adquirido de várias formas...

Primeiro temos imagens que simbolizam os sons fricativos: "s", "z", "j", "ch", "f" e "v".

s- serpente
z- abelha
j- joaninha
ch- silêncio
f- gato zangado
v- avião

Estas imagens estão em material EVA/musgami (folha em borracha)

Estas imagens podem ser adquiridas individualmente ou com um conjunto de imagens para cada som.
24 imagens para cada som (12 em posição inicial de palavra e 12 em posíção medial).

Além destas imagens há uma página A4 onde as crianças colam cada som na sua posição respetiva.




Imagem para o /f/
Imagem para o /j/




Imagem para o /s/

Imagem para o /z/
Imagem para o /v/


Imagem para o /ch/


Beijinhos TerapÊuticos
DianaMoreira

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Consciência Fonológica

O que devemos trabalhar...


Beijinhos Terapêuticos
DianaMoreira

Som "lh"

Bom dia colegas,

Tenho verificado que muitas crianças não produzem corretamente o som "lh", sejam elas ainda pré-escolares ou já em idade escolar.

Deixo ficar um ficheiro com várias palavras que podem ser usadas para repetição, leitura, escrita ou simplesmente como um recurso de palavras do som "lh".



Aproveitem :)

Beijinhos terapêuticos
DianaMoreira

quinta-feira, 8 de maio de 2014

letras "p" e "t"

Olá :)

Muitas vezes as crianças têm dificuldade em aprender a letra p e t...
Porque são as primeiras... Porque são seguidas...
É novidade e muitas vezes trocam as duas letras, tanto na escrita como na leitura...

Deixo-vos umas fichas simples com palavras básicas para leitura e escrita.

https://www.dropbox.com/s/0cqtjsdjzhddkvr/consolida%C3%A7%C3%A3o%20letra%20p%20e%20t.pdf

Bom trabalho...
Beijinhos Terapêuticos

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Letras móveis

É sempre uma atividade motivadora para as nossas crianças.

Antes, depois ou durante a atividade que propomos podem escolher o que querem escrever... Ou escolhemos nós o que queremos que eles escrevam...

Conseguimos sempre atingir o objetivo :)


Beijinhos Terapêuticos
Diana Moreira

DISARTRIA - Working with dysarthrics

Caros colegas,

Deixo-vos aqui uma referência a um livro que me tem acompanhado em casos de Disartria e não só. Alguns exercícios conseguimos facilmente adaptar a outras patologias.

É um manual em inglês, já não sei onde o consegui arranjar, mas está bem esquematizado e é muito prático.




Beijinhos Terapêuticos
Diana Moreira